https://monitordigital.com.br/joias-rel-gios-e-canetas

Os compradores de imóveis já podem contar com o aumento do teto para uso do FGTS, que passará a ser de R$ 1,5 milhão para adquirir a casa própria, o que mexe com o mercado de leilões imobiliários. Os arrematantes que entram no negócio para fazer investimentos se sentirão mais confortáveis em lances mais altos, pois espera-se que os bens de maior valor tenham maior liquidez com a nova medida do governo, afirma o advogado Raphael Cataldo Siston, especialista em leilões judiciais e extrajudiciais de imóveis. O wesbite www.fgts.gov.br tem todas as informações para quem quer ficar preparado para a oportunidade que se apresentar.